Percepção do acompanhante do paciente pediátrico durante a indução e o despertar da anestesia

Sabrina Binkowski, Gisele Pereira de Carvalho, Rita Catalina Aquino Caregnato

Resumo


Objetivo: Conhecer as percepções de acompanhantes das crianças na indução anestésica e no despertar da anestesia. Método: Estudo exploratório,
descritivo, qualitativo, realizado em um centro cirúrgico (CC) de um hospital pediátrico de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, com sete mães presentes na
indução anestésica e no despertar da criança da anestesia. A coleta de dados foi realizada em duas fases: 1. observação não participativa na pré-indução e na indução
anestésica; 2. entrevista semiestruturada na sala de recuperação pós-anestésica (SRPA). Resultados: Da análise de conteúdo dos diários de campo emergiram
duas categorias: estratégias utilizadas pelos acompanhantes e tranquilidade. As estratégias usadas foram: choro, amor e carinho. Das entrevistas emergiram
duas categorias: experiência positiva e experiência negativa, sendo a primeira a mais destacada. Conclusão: Acompanhar o filho no processo anestésico-cirúrgico
desencadeou mais percepções positivas do que negativas nas mães. Além de dar suporte e tranquilidade à criança, as acompanhantes se sentiram mais seguras.


Palavras-chave


Enfermagem; Centro Cirúrgico; Recuperação Anestésica.

Texto completo:

PDF PDF/A (English)

Referências


Anastácio DS, Souza MI, Aquino LA. Humanização do cuidado à

criança em unidade de recuperação pós-anestésica. Rev SOBECC.

;19(3):136-41. DOI: 10.4322/sobecc.2014.021

Descritores em Ciências da Saúde (DeCS) [Internet]. São Paulo:

BIREME/OPAS/OMS; 2017 [acesso em 2017 out. 09]. Disponível em:

http://decs.bvsalud.org

Stangler MI. Impacto da medicação pré-anestésica na ansiedade

pré-operatória e no delírio pós-operatório de crianças submetidas à

cirurgia ambulatorial [dissertação]. Porto Alegre: Universidade Federal

do Rio Grande do Sul; 2011 [acesso em 2017 out 10]. Disponível em:

http://hdl.handle.net/10183/30978

Brasil. Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990. Dispõe sobre o Estatuto

da Criança e do Adolescente e dá outras providências [Internet].

Brasília; 1990 [acesso em 2017 out 10]. Disponível em: http://www.

planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L8069.htm

Menezes S, Tomazinho LD. Presença de familiares durante a

indução anestésica de crianças: revisão da literatura. Rev SOBECC.

;19(2):92-8.

DeMaso DR, Snell C. Promoting coping in children facing pediatric surgery.

Semin Pediatr Surg [Internet]. 2013 [acesso em 2017 out 10];22(3):134-

Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23870206

Bardin L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70; 2009.

Brasil. Conselho Nacional de Saúde. Resolução n° 466, de 12 de

dezembro de 2012. Diretrizes e normas regulamentadoras de

pesquisas envolvendo seres humanos. Brasília; 2012.

V elhote AB, Bohomol E, Velhote MC. Reações do acompanhante diante

dos procedimentos pré-operatórios em cirurgia pediátrica ambulatorial.

Einstein 2016;14(3):403-7. DOI: 10.1590/S1679-45082016AO3624

Sampaio CE, Ventura DS, Batista IF, Antunes TC. Sentimento dos

acompanhantes de crianças submetidas a procedimentos cirúrgicos:

vivências no perioperatório. Rev Min Enferm. [Internet]. 2009 [acesso

em 2017 out 10];13(4):588-64. Disponível em: http://www.reme.org.

br/artigo/detalhes/224

Schneider CM, Medeiros LG. Criança hospitalizada e o impacto

emocional gerado nos pais. Rev Unoesc Ciência [Internet]. 2011

[acesso em 2017 out 10];2(2):140-54. Disponível em: https://editora.

unoesc.edu.br/index.php/achs/article/ viewFile/741/pdf_216

Sadeghi A, Khaleghnejad TA, Mahdavi A, Salarian S, Razavi SS. Impact

of parental presence during induction of anesthesia on anxiety level

among pediatric patients and their parents: a randomized clinical

trial. Neuropsychiatr Dis Treat [Internet]. 2017 [acesso em 2017

out 10];12:3237-41. Available at: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/

pubmed/28260897

Kruger P, Rosen D. Parental presence at induction of anesthesia

is feasible with minimal preparation and resources. Can J Anaesth

[Internet]. 2016 [acesso em 2017 out 10];63(10):1207-8. Available

at: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27491958

Soliveres J, Sánchez A, Balaguer J, Estruch M, Sánchez J, Solaz

C. Efectos de la presencia paterna en quirófano sobre la calidad

de la inducción anestésica y agitación postoperatoria en niños.

Rev Esp Anestesiol Reanim [Internet]. 2011 [acesso em 2017 out

;58(8):472-6. Disponível em: http://www.elsevier.es/es-revistarevista-

espanola-anestesiologia-reanimacion-344-articulo-efectospresencia-

paterna-quirofano-sobre-S0034935611701219

Marechal C, Berthiller J, Tosetti S, Cogniat B, Desombres H, Bouvet

L, et al. Children and parental anxiolysis in paediatric ambulatory

surgery: a randomized controlled study comparing 0.3 mg kg-1

midazolam to tablet computer based interactive distraction. Br J

Anaesth [Internet]. 2017 [acesso em 2017 out 10];118(2):247-53.

Available at: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28100529

Seiden SC, McMullan S, Sequera-Ramos L, De Oliveira-Júnior GS,

Roth A, Rosenblatt A, et al. Tablet-based interactive distraction (TBID)

vs. oral midazolam to minimize perioperative anxiety in pediatric

patients: a noninferiority randomized trial. Paediatr Anaesth [Internet].

[acesso em 2017 out 10];24(12):1217-23. Available at: https://

www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25040433

Ávila FR, Haro JM, Méndez NG. La ansiedad de los padres incrementa

la ansiedade preoperatoria em el paciente pediátrico cuando

este va a somerterse a cirurgia ambulatoria. Rev Esp Anestesiol

Reanim [Internet]. 2012 [acesso em 2017 out 10];59(2):83-90.

Disponível em: http://www.elsevier.es/es-revista-revista-espanolaanestesiologia-

reanimacion-344-articulo-la-ansiedad-los-padresincrementa-

S0034935612000515

Pavão TL, Montalvão TC. Mães acompanhantes de crianças

cardiopatas: repercussões emocionais durante a hospitalização.

Rev Psicol Saúde [Internet]. 2016 [acesso em 2017 out

;8(2):67-82. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.

php?script=sci_arttext&pid=S2177-093X2016000200006&lng=pt

Barros F, Lages N, Lopez M, Pereira S. Ansiedade e grau de satisfação

em anestesia pediátrica. Rev SPA [Internet]. 2005 [acesso em 2017

out 10];14(4):14-23. Disponível em: http://www.spanestesiologia.

pt/wp-content/uploads/2008/11/14-4-artigo2.pdf




DOI: https://doi.org/10.5327/Z1414-4425201800010004

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Rita Catalina Aquino Caregnato

Rev SOBECC, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2358-2871

Licença Creative Commons Revista SOBECC está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia