Saberes dos enfermeiros sobre prevenção de infecção do sítio cirúrgico

Karolayne Vieira de Souza, Solange Queiroga Serrano

Resumo


 Objetivo: Conhecer as experiências de enfermeiros sobre suas práticas na prevenção de infecção do sítio cirúrgico (ISC). Método: Estudo exploratório e qualitativo com enfermeiros da clínica cirúrgica geral de um hospital público do nordeste brasileiro. Entre dezembro de 2018 e janeiro de 2019, realizou-se entrevista semiestruturada, gravada em áudio digital, com duração média de 20 minutos, para coleta de dados. Os depoimentos transcritos foram avaliados pela técnica de análise do discurso do sujeito coletivo. Resultados: Participaram nove enfermeiros, a maioria do sexo feminino, com idade média de 40,9 anos. Elencaram-se as seguintes categorias temáticas: medidas de prevenção contra ISC; assistência de enfermagem adequada na prevenção de ISC; equipe de enfermagem capacitada; adequadas condições de trabalho e de materiais; e treinamento contínuo. Conclusão: Observou-se preocupação em minimizar os riscos de ISC de pacientes por meio da adoção de ações preventivas, como lavagem das mãos, uso de equipamentos de proteção individual, troca de curativos diários com técnica asséptica, além do uso de insumos adequados, conhecimento técnico-científico harmonioso e estímulo do relacionamento eficaz entre a equipe.


Palavras-chave


Infecção cirúrgica de ferida; Cuidados perioperatórios. Ferida cirúrgica; Biossegurança; Enfermagem.

Texto completo:

PDF PDF/A (English)

Referências


BRASIL. Ministério da Saúde. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Critérios diagnósticos de infecções relacionadas à assistência à saúde. Brasília (DF): ANVISA: 2017.

Carvalho RLR, Campos CC, Franco LMC, Rocha AM, Ercole FF. Incidência e fatores de risco para infecção de sítio cirúrgico em cirurgias gerais. Rev Latino-am Enferm. 2017; 25: e2848 [Acesso em 2019 Jan 13]; Disponível: http://www.scielo.br/pdf/rlae/v25/pt_0104-1169-rlae-25-e2848.pdf. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1518-8345.1502.2848.

Santana CA, Oliveira CGE. Assistência de enfermagem na prevenção de infecções de sítio cirúrgico: uma revisão integrativa da literatura. Rev Eletrôn Atualiza Saúde [Internet]. 2015 [cited 2017 Mar 22]; 1(1): Disponível: http://atualizarevista.com. Br/wp-content/uploads/2015/01/ASSISTENCIADE-enfermagem-na-prevencaode-infeccoes-de-sitio-cirurgicouma-revis%c3%83o-integrativa-daliteratura-revista-atualiza-sauden1-v1.pdf

Reis RG, Rodrigues MCS. Infecção de sítio cirúrgico pós-alta: ocorrência e caracterização de egressos de cirurgia geral. Cogitare Enferm 2017, (22)4: e51678. [citado em 2019 Jan 22]. Disponível em http://docs.bvsalud.org/biblioref/2017/12/876610/51678-220463-1-pb.pdf DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v22i4.56178.

Garcia L, César ICO, Braga CA, Souza GAAD, Mota ÉC. Perfil epidemiológico das infecções hospitalares por bactérias multidrogarresistentes em um hospital do norte de Minas Gerais. Rev Epidemiol Control Infect.[Internet] 2013; [citado em 2018 Set] 3 (2) : 45-49. Available from: https://online.unisc.br/seer/index.php/epidemiologia/article/view/3235 DOI: http://dx.doi.org/10.17058/reci.v3i2.3235

Lacerda MKS, Souza SCO, Soares DM, Silveira BRM, Lopes JR.Precauções padrão e Precauções Baseadas na Transmissão de doenças: revisão de literatura. Rev Epidemiol Control Infect.[Internet] 2014; [cited 2019 Feb 05] 4(4):254-259. Available from: https://online.unisc.br/seer/index.php/epidemiologia/article/viewFile/4952/3985

Figueredo MZA, Chiari BM, Goulart BNG. Discurso do Sujeito Coletivo: uma breve introdução à ferramenta de pesquisa qualiquantitativa. Distúrb Comum [Internet]. 2013 Apr; [cited 2018; 25 (1): 129-36. Available from: https://revistas.pucsp.br/index.php/dic/article/view/14931.

Lefévre F, Lefévre AMC. Discurso do sujeito coletivo. Qualiquantisoft. Passo a passo. São Paulo: IPDSC, 2010.

Silva FG, Junior NJO , Oliveira DO, Nicoletti DR , Comin E. Analysis of adverse events in an outpatient surgical center. rev. Sobecc. [Internet]. 2015; [cited 2019 Feb 05] 20(4): 202-209. Available from: https://revista.sobecc.org.br/sobecc/article/view/91/pdf_1 http://dx.doi.org/10.5327/Z1414-4425201500040004 07/02/2019.

Berríos-Torres SI. Umscheid CA, Bratzler DW, Leas B, Stone EC, Kelz R R, et al . Centers for Disease Control and Prevention Guideline for the Prevention of Surgical Site Infection, 2017. JAMA Surg.[internet] 2017; [cited 2019 Feb 06]; 152( 8 ):784–791 Available from: https://jamanetwork.com/journals/jamasurgery/fullarticle/2623725 http://dx.doi.org/10.1001/jamasurg.2017.0904

Dutra GG, Costa MP, Ott Bosenbecker E, Lima LM, Siqueira HCH, Cecagno D. Controle da infecção hospitalar: função do enfermeiro. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental Online [Internet]. 2015; [cited 2018 Set 15]; 7(1): 2159-2168. Disponível: https://www.redalyc.org/articulo.oa?id=505750945033

Organização Pan-Americana da Saúde. Centro Latino-Americano de Perinatologia, Saúde da Mulher e Reprodutiva. Prevenção de infecções relacionadas à assistência à saúde em neonatologia. Montevidéu: CLAP/SMR-OPS/OMS, 2016. (CLAP/SMR. Publicação Científica, 1613-03).

Belela-Anacleto ASC, Peterlini MAS, Pedreira MLG. Hand hygiene as a caring practice: a reflection on professional responsibility. Rev. Bras. Enferm. [Internet]. 2017; [cited 2019 Feb 08] ; 70( 2 ): 442-445. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672017000200442&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167-2016-0189

Luangasanatip N, Hongsuwan M, Lubell Y, Limmathurotsakul D , Srisamang P, Day NPJ, Graves N, Cooper BS. Cost-effectiveness of interventions to improve hand hygiene in healthcare workers in middle-income hospital settings: a model-based analysis. Journal of Hospital Infection [Internet] 2018; [cited 2019 Feb 09] 100 (2) :165-175. Available from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC6204657/pdf/main.pdf. https://doi.org/10.1016/j.jhin.2018.05.007.

Oliveira NB, Silva FVC, Assad LG. Competências do enfermeiro especialista em nefrologia. Rev enferm UERJ [Internet]. 2015; [cited 2019 Jun 11]; 23(3):375-380. Available from: http://www.facenf.uerj.br/v23n3/v23n3a14.pdf DOI: http://dx.doi.org/10.12957/reuerj.2015.9789

Aguiar APL, Prado PR, Opitz SP, Vasconcelos SP, Faro ARMC. Fatores associados à infecção de sítio cirúrgico em um hospital na Amazônia ocidental brasileira. Rev. SOBECC [Internet]. 2012; [citado 2019 Mar 12]; 17(3) 60-70. Disponível em: http://www.sobecc.org.br/arquivos/artigos/uploads/snf/arquivos/Ano17_n3_%20jul_set2012_(Fatores_associados_infeccao_de_sitio_cirurgico_em_um_hospitalna_amazonia_ocidental_brasileira).pdf

Püschel VAA, Costa D, Reis PP, Oliveira LB, Carbogim FC. Nurses in the labor market: professional insertion, competencies and skills. Rev. Bras. Enferm. [Internet]. 2017; [citado 2019 Fev 05] ; 70( 6 ): 1220-1226. Disponível em: http://www.revenf.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672017000601220&lng=pt. http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167-2016-0061

Sell BT, Amante LN, Martins T, Sell CT, Pinho FM, Silva R. Adverse events in a hospital surgical unit: a descriptive study. Rev. SOBECC [Internet] .

; [cited 2019 Mar]; 21(3): 146-153. Available from: https://revista.sobecc.org.br/sobecc/article/view/34/pdf_1

Claudino HG, Fonseca LCT. Infecção de sítio cirúrgico: ações preventivas da comissão de controle de infecção hospitalar. Rev enferm UFPE [Internet] 2011; [citado em 2019 Mar 12]; 5(5):1180-186. Disponível em:

https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/viewFile/6844/6092

Shoji S, Souza NVDO, Farias SNP, Vieira MLC, Progianti JM. Proposals for improving working conditions at an outpatient clinic: the nursing standpoint. Esc. Anna Nery [Internet]. 2016; [cited 2019 Feb 04]; 20(2): 303-309. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-81452016000200303&lng=en. http://dx.doi.org/10.5935/1414-8145.20160041




DOI: https://doi.org/10.5327/Z1414-4425202000010003

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 karolayne vieira souza, Solange Queiroga Serrano

Rev SOBECC, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2358-2871

Licença Creative Commons Revista SOBECC está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia