Adesão do cheklist cirúrgico à luz da Cultura de segurança do paciente

Maíra Cássia Borges de Oliveira, Arnildo Korb, Denise Antunes de Azambuja Zocche, Danielle Bezerra Cabral, Fabiane Pertille, Jucimar Frigo

Resumo


Objetivo: Analisar a produção científica nacional e internacional sobre a adesão de checklist cirúrgico quanto à segurança do paciente. Método: Revisão
integrativa da literatura utilizando as bases de dados Scientific Eletronic Library Online (SciELO), Literatura Latino-Americana em Ciências da Saúde (LILACS),
PubMed e Scopus, no período de janeiro de 2007 a julho de 2017. Resultados: Dos 32 estudos que contemplaram o objetivo deste trabalho, 53,1% foram publicados
em língua portuguesa e 40,6% no ano de 2015. Entre os temas analisados, destacam-se adesão ao protocolo (40,6%), registros sobre cirurgia segura (37,5%),
elaboração e implementação da lista de verificação (9,4%), percepção dos profissionais (9,4%) e importância da visita pós-operatória (3,1%). Quanto à implementação
dos protocolos de cirurgia segura, 40,6% relataram sobre educação permanente e 21,9%, sobre comunicação. Conclusão: A utilização de checklist para
cirurgia segura está sendo cada vez mais elucidada nos serviços de saúde, a partir da comunicação, buscando promover cuidado centrado no paciente.


Palavras-chave


Centros Cirúrgicos; Segurança do Paciente; Comunicação; Enfermagem.

Texto completo:

PDF PDF/A (English)

Referências


Brasil. Ministério da Saúde (MS). Segundo desafio global para a

segurança do paciente: cirurgias seguras salvam vidas. Manual.

Rio de Janeiro: Organização Pan-Americana da Saúde; Ministério

da Saúde; Agência Nacional de Vigilância Sanitária; 2009.

Carvalho PA, Göttems LBD, Pires MRGM, Oliveira MLC. Cultura de

segurança no centro cirúrgico de um hospital público, na percepção

dos profissionais de saúde. Rev Latino-Am Enferm. 2015; 23(6):1041-

DOI: 10.1590/0104-1169.0669.2647

Brasil. Ministério da Saúde (MS). Portaria n. 529, de 1 de abril de

Institui o Programa Nacional de Segurança do Paciente (PNSP).

Brasília: Ministério da Saúde; 2013.

Zaheer S, Ginsburg, Chuang YT, Grace SL. Patient safety climate (PSC)

perceptions of frontline staff in acute care hospitals. Health Care

Manage Rev. 2015;40(1):13-23. DOI: 10.1097/HMR.0000000000000005

Cavalcante AC, Rocha RC, Nogueira LT, Avelino FVSD, Rocha SS.

Cuidado seguro ao paciente: contribuições da enfermagem. Rev

Cubana Enfermería [Internet]. 2015 [citado 23 set. 2017];31(4).

Disponível em: http://www.revenfermeria.sld.cu/index.php/enf/

article/view/907

Souza RFF, Silva LD. Estudo exploratório das iniciativas acerca da

segurança do paciente em hospitais do Rio de Janeiro. Rev Enferm

UE RJ. 2014;22(1):22-8.

Mendes KDS, Silveira RCCP, Galvão CM. Revisão integrativa: método

de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na

enfermagem. Rev Texto Contexto Enferm. 2008;17(4):758-64.

Souza NA, Boruchovitch E. Mapas conceituais: estratégia de ensino/

aprendizagem e ferramenta avaliativa. Educrev [Internet]. 2010 [citado 17 jul.

;26(3):195-218. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/edur/v26n3/

v26n3a10.pdf. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-46982010000300010

Galvão TF, Pansani TSA. Principais itens para relatar revisões sistemáticas

e meta-análises: a recomendação PRISMA – tradução. Epidemiol Serv

Saúde [Internet]. 2015 [citado 28 jul. 2017];24(2):335-42. Disponível em:

http://www.scielo.br/pdf/ress/v24n2/2237-9622-ress-24-02-00335.

pdf. DOI: http://dx.doi.org/10.5123/S1679-49742015000200017

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Manual Cirurgias Seguras

Salvam Vidas. Aliança Mundial para Segurança do Paciente. 2008 [citado

jul. 2017]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/

seguranca_paciente_cirurgias_seguras_salvam_vidas.pdf

Araújo MPS, Oliveira AC. Quais mudanças poderão ocorrer na assistência

cirúrgica após implantação dos núcleos de Segurança do Paciente? Rev

Enferm Cent O Min [Internet]. 2015 [citado 19 jul. 2017];5(1):1542-51.

Disponível em: http://www.seer.ufsj.edu.br/index.php/recom/article/

view/807/844. DOI: http://dx.doi.org/10.19175/recom.v0i0.807

Pancieri AP, Carvalho R, Braga EM. Aplicação do checklist para

cirurgia segura: relato de experiência. Rev SOBECC. 2014;19(1):26-

DOI: http://dx.doi.org/10.4322/sobecc.2014.006

Pancieri AP, Santos BP, Avila MAG, Braga EM. Safe surgery checklist:

analysis of the safety and communication of teams from a teaching

hospital. Rev Gaúcha Enferm. 2013;34(1):71-8. DOI: http://dx.doi.

org/10.1590/S1983-14472013000100009

Santos CM, Caregnato RCA, Moraes CS. Equipe cirúrgica: adesão

à meta 1 da cirurgia segura. Rev SOBECC [Internet]. 2013 [citado

jul. 2017];18(4):47-56. Disponível em: http://www.sobecc.org.

br/arquivos/artigos/2014/pdfs/revisao-de-leitura/Ano18_n4_out_

dezet2013-9.pdf

Gomes CDPP, Santos AA, Machado ME, Treviso P. Percepção de uma

equipe de enfermagem sobre a utilização do checklist cirúrgico.

Rev SOBECC. 2016;21(3):140-5. DOI: http://dx.doi.org/10.5327/

Z1414-4425201600030004

Koerich C, Erdmann AL . Significados atribuídos pela equipe de

enfermagem sobre educação permanente em uma instituição

cardiovascular. Rev Rene [Internet]. 2016 [citado 28 ago.

;17(1):93-102. Disponível em: http://www.revistarene.

ufc.br/revista/index.php/revista/article/view/2223/pdf. DOI:

15253/2175-6783.2016000100013

Coriolano-Marinus MWL, Queiroga BAM, Ruiz-Moreno L, Lima

LS. Comunicação nas práticas em saúde: revisão integrativa da

literatura. Rev Saúde Sociedade [Internet]. 2014 [citado 28 ago.

;23(4):1356-69. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/

sausoc/article/view/104305/102952. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/

S0104-12902014000400019

E lias ACGP, Schmidt DRC, Yonekura SCI, Dias AO, Ursi ES, Silva

RPJ, et al. Avaliação da adesão ao checklist de cirurgia segura em

hospital universitário público. Rev SOBECC. 2015;20(3):128-33.

Moura MLO, Mendes W. Avaliação de eventos adversos cirúrgicos

em hospitais do Rio de Janeiro. Rev Bras Epidemiol [Internet].

[citado 17 jul. 2017];15(3):523-35. Disponível em: http://www.

scielo.br/pdf/rbepid/v15n3/07.pdf. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/

S1415-790X2012000300007




DOI: https://doi.org/10.5327/Z1414-4425201800010007

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Maíra Cássia Borges de Oliveira, Arnildo Korb, Denise Antunes de Azambuja Zocche, Danielle Cabral Bezerra, Fabiane Pertille, Jucimar Frigo

Rev SOBECC, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2358-2871

Licença Creative Commons Revista SOBECC está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia