Análise da visita pré-operatória de enfermagem: revisão integrativa

Marly Maria de Oliveira, Katiane Martins Mendonça

Resumo


Objetivos: Analisar a produção científica nacional sobre o estado da arte da visita pré-operatória de Enfermagem como fase da Sistematização da Assistência de Enfermagem Perioperatória. Método: Realizou-se uma revisão integrativa da literatura, que incluiu estudos nacionais, disponíveis em todas as bases de dados da Biblioteca Virtual em Saúde, publicados até janeiro/2013. Resultados: Foram selecionados 19 estudos, todos desenvolvidos por Enfermeiros. A maioria objetivou investigar a atuação desse profissional na visita préoperatória e apontou que, apesar de essencial, essa atividade não é uma prática habitual. Conclusão: O pequeno número de pesquisas encontrado e o enfoque das mesmas refletem a necessidade de mais investigações que reforcem a magnitude do tema e que subsidiem a prática.

Palavras-chave


Enfermagem de centro cirúrgico. Processos de enfermagem. Pesquisa em enfermagem.

Texto completo:

PDF/A

Referências


Christóforo BEB, Carvalho DS. Cuidados de enfermagem realizados ao paciente cirúrgico no período pré-operatório. Rev Esc Enferm USP. 2009;43(1):14-22. http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342009000100002. PMid:19437849

Associação Brasileira de Enfermeiros de Centro Cirúrgico, Recuperação Anestésica e Central de Material Esterilizado – SOBECC. Práticas recomendadas SOBECC. 6. ed. São Paulo: SOBECC; 2013.

Grittem L, Meier MJ, Gaievicz AP. Visita pré-operatória de enfermagem: percepções dos enfermeiros de um hospital de ensino. Cogitare Enferm. 2006;11(3):245-51.

Piccoli M, Galvão CM. Enfermagem perioperatória: identificação do diagnóstico de enfermagem risco para infecção fundamentada no modelo conceitual de Levine. Rev Latino- Am Enfermagem. 2001;9(4):37-43. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692001000400007.

Grittem L, Meier MJ, Peres AM. Sistematização da assistência perioperatória: uma pesquisa qualitativa. Online Braz J Nurs [Internet]. 2009 [acesso em 2013 Nov 7];8(3). Disponível em: http://www.objnursing.uff.br/index.php/nursing/article/view/j.1676-4285.2009.2588/576.

Christóforo BEB, Zagonel IPS, Carvalho DS. Relacionamento enfermeiro-paciente no pré-operatório: uma reflexão à luz da teoria de Joyce Travelbee. Cogitare Enferm. 2006;11(1):55-60.

da Silva WV, Nakata S. Comunicação: uma necessidade percebida no período pré-operatório de pacientes cirúrgicos. Rev Bras Enferm. 2005;58(6):673-676. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672005000600008. PMid:16689499.

Foschiera F, Piccoli M. Enfermagem perioperatória: diagnósticos de enfermagem emocionais e sociais na visita pré-operatória fundamentados na teoria de Ida Jean Orlando. Ciênc Cuid Saúde. 2004;3(2):143-151.

Grittem L, Silva MHR, Miranda VLS. Visita de enfermagem perioperatória. Cogitare Enferm. 2000;5(n.esp):33-40.

Feu RMS, Maciel AA. A visita sistematizada de enfermagem pré e pós-operatória no atendimento das necessidades do paciente. Rev SOBECC. 2008;13(2):24-31.

Brasil. Ministério da Saúde. Portaria nº 529, de 1º de abril de 2013. Institui o Programa Nacional de Segurança do Paciente (PNSP). Brasília: Ministério da Saúde, 2013.

Avelar MC, Silva A. Assistência de enfermagem perioperatória: ensino em cursos de enfermagem. Rev Esc Enferm USP. 2005;39(1):46-52. http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342005000100006. PMid:15909581.

Zago MMF, Rossi LA. Análise crítica dos rituais no contexto da enfermagem médico-cirúrgica. Rev Esc Enferm USP. 2003;37(1):36-43. http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342003000100005. PMid:12968428.

Pompeo DA, Rossi LA, Galvão CM. Revisão integrativa: etapa inicial do processo de validação de diagnóstico de enfermagem. Acta Paul Enferm. 2009;22(4):434-438. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-21002009000400014.

Fonseca RMP, Peniche ACG. Enfermagem em centro cirúrgico: trinta anos após criação do Sistema de Assistência de Enfermagem Perioperatória. Acta Paul Enferm. 2009;22(4):428-433. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-21002009000400013.

Mendoza IYQ, Peniche ACG. Factores de riesgo para complicaciones en el periodo de recuperación post anestésica en el paciente anciano. Invest Educ Enferm. 2010;28(3):355-362.

Frias TFP, Costa CMA, Sampaio CEP. O impacto da visita préoperatória de enfermagem no nível de ansiedade de pacientes cirúrgicos. REME- Rev Min Enferm. 2010;14(3):345-52.

Santos R, Piccoli M, Carvalho ARS. Diagnósticos de enfermagem emocionais identificados na visita pré-operatória em pacientes de cirurgia oncológica. Cogitare Enferm. 2007;12(1):52-61. http://dx.doi.org/10.5380/ce.v12i1.8264.

Paskulin LMG, Eidt OR, Morais EP, Jansen M, Schossler T, Gonçalves A. Clientes idosos submetidos à artroplastia total de quadril primária (ATQP): o que pensam a respeito do cuidado recebido no domicílio. Acta Paul Enferm. 2004;17(2):211-221.

Silva A. A visita pré-operatória de enfermagem pela enfermeira do centro cirúrgico. Rev Esc Enferm USP. 1987;21(2):145-160. PMid:3438526.

Garcia HF. Compreendendo a necessidade do paciente com câncer de receber orientações para a cirurgia: implicações da visita préoperatória pelo enfermeiro. Rev Bras Cancerol. 1999;45(2):15-26.

Silva LGDM. Problemas de usuários cirúrgicos após a alta hospitalar: identificando fatores condicionantes do processo cirúrgico e suas implicações para a assistência perioperatória [dissertação]. São Paulo: Escola de Enfermagem, Universidade de São Paulo; 2004.

Araújo IEM, Noronha R. Comunicação em enfermagem: visita pré-operatória. Acta Paul Enferm. 1998;11(2):35-46.

Santos JMC, Morais MCB, Teles MJS, Aguiar MP, Cordeiro ALAO. Assistência de enfermagem ao paciente no transoperatório. Rev Baiana Enferm. 1986;2(2):118-50.

Pellizzetti N, Bianchi ERF. Avaliação da prescrição de enfermagem para o período transoperatório. Rev Paul Enferm. 1991;(n. esp):75-84.

Carvalho R, Araya MDA. Uma experiência de assistência humanizada ao paciente submetido à cirurgia cardíaca. Rev Paul Enferm. 1991;(n.esp):115-120.

Rodrigues AL, Cezareti IUR, Silva MDA, Tashiro MTO, Viana TA. Assistência de enfermagem ao paciente no período transoperatório: experiência de ensino. Enfoque. 1988;16(3):78-80.

Roza IB, Silva TM, Fenilli RM. Percepções do paciente cirúrgico enquanto aguarda o momento de ser anestesiado. Rev Paul Enferm. 1991;(n.esp):3-10.

Santos WDF, Delloiagono AA, Carvalho EC. A utilização do modelo teórico de confirmação/desconfirmação na análise de comportamentos verbais entre enfermeiro-grupos de pacientes por ocasião da visita pré-operatória de enfermagem. In: Anais do II Simpósio Brasileiro de Comunicação em Enfermagem; 1990; Ribeirão Preto, Brasil. Ribeirão Preto: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo; 1990. p. 321-38. 30. de Aguiar DF, Camacho KG. O cotidiano do enfermeiro em pesquisa clínica: um relato de experiência. Rev Esc Enferm USP. 2010;44(2):526-530. http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342010000200040. PMid:20642070.

Fórum de Reflexão Universitária – Unicamp. Desafios da pesquisa no Brasil: uma contribuição ao debate. São Paulo Perspec [Internet]. 2002 [acesso em 2013 Nov 7];16(4):15-23. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_ arttext&pid=S0102-88392002000400004&lng=en&nrm=iso.

Rocha-e-Silva M. O novo Qualis, ou a tragédia anunciada. Clinics (Sao Paulo). 2009;64(1):1-4. http://dx.doi.org/10.1590/S1807- 59322009000100001. PMid:19142543.

Almeida RSS, Barros MM, Souza EMS. Implantação de um instrumento de coleta de dados perioperatórios. Rev SOBECC. 2009;14(2):41-46.

Alves PC, Barbosa ICFJ, Caetano JA, Fernandes AFC. Cuidados de enfermagem no pré-operatório e reabilitação de mastectomia: revisão narrativa da literatura. Rev Bras Enferm. 2011;64(4):732- 737. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672011000400016.PMid:22378521.

Brandão ALRBS, Giovanella L, Campos CEA. Avaliação da atenção básica pela perspectiva dos usuários: adaptação do instrumento EUROPEP para grandes centros urbanos brasileiros. Cien Saude Colet. 2013;18(1):103-114. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232013000100012.

Castilho NC, Ribeiro PC, Chirelli MQ. A implementação da Sistematização da Assistência de Enfermagem no serviço de saúde hospitalar do Brasil. Texto Contexto – Enferm. 2009;18(2):280-9.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Marly Maria de Oliveira, Katiane Martins Mendonça

Rev SOBECC, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2358-2871

Licença Creative Commons Revista SOBECC está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia